A eleição para a escolha dos novos integrantes do Conselho Tutelar do município de Pilõezinhos foi anulada. O pleito, organizado pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, ocorreu neste domingo (06) na Escola Municipal Marlene Alves Mendes.

Na apuração, observou-se que o número de cédulas nas urnas era maior do que a lista de presença. Como o número de votantes “assinantes” era menor do que os votos computados, a eleição foi anulada.

A data do próximo pleito será comunicada oficialmente. Como foi a primeira vez que uma disputa foi anulada no município, o assunto tomou as ruas e rodas de conversar. Não era para menos!

Em atualização…

Rafael San – ManchetePB