Como funciona um bloqueador de celular (Imagem: Priscila Du Preez/Unsplash)

Hoje em dia, os telefones celulares estão por toda parte, ainda mais com a utilização de smartphones. Veja abaixo, como funciona um bloqueador de celular. Além dos prisioneiros – que não devem ter benefícios da liberdade –, é ótimo poder ligar para a qualquer hora. Infelizmente, cinemas, casas de shows e igrejas sofrem com os aparelhos, porque nem todos os usuários sabem quando parar de falar ou se comunicar.

O que é um bloqueador de celular?
Um bloqueador de sinal de celular é um dispositivo que impede a recepção do sinal entre torres de celular e aparelhos celulares. Desenvolvidos para uso por militares e policiais, esses dispositivos foram originalmente criados para combater ameaças, como explosivos acionados por telefones celulares e situações de reféns.

Como o bloqueador funciona?
Conhecidos como bloqueadores de celular, os bloqueadores de sinal, bloqueadores de GPS ou bloqueadores de texto, impedem o sinal de telefone celular retendo a frequência de rádio em uma determinada área, criando um congestionamento de sinal que bloqueia toda a comunicação.

Como uma bolha de silêncio, nenhuma chamada ou texto pode ser enviado ou recebido enquanto o usuário estiver dentro do alcance do bloqueador de sinal do telefone celular. São particularmente utilizados em presídios, para que os criminosos não possam continuar fazendo seus “negócios” dentro da prisão.

Por que são utilizados?
Os defensores da tecnologia argumentam que os dispositivos bloqueadores de sinal são necessários em muitos dos lugares onde os humanos simplesmente não conseguem observar as regras de etiqueta adequadas ao telefone celular.

Pensando em escolas, teatros, veículos ou um passeio de trem. Qualquer local onde falar, enviar mensagens de texto, streaming e similares podem ser considerados perturbadores ou mesmo perigosos, gostariam de utilizar os bloqueadores.

Lembre-se de que um bloqueador de sinal de celular não bloqueará apenas voz e texto no telefone, mas também interfere no GPS, Wi-Fi e, provavelmente, o radar da polícia. Por isso a venda desses equipamentos é restrita ou até proibida.

Alguém que esteja imaginando um pouco de paz e tranquilidade, feitas por um bloqueador de sinal, talvez tenha que se contentar com tampões de ouvido que neutralizam ruídos.

Basicamente, dessa forma funciona um bloqueador de celular, com uso restrito militar e policial, onde seus alvos são pessoas que não gozam de liberdade, nem física nem comunicacional.

Do Manchete PB
Com Tecnoblog.net