Na tarde desta terça-feira (23), após a divulgação do Decreto Estadual sobre as novas medidas de combate a Covid-19, o diretor do Colégio da Luz de Guarabira, Samuel Diogo, comunicou que a escola manterá o ensino híbrido, observando o Decreto Municipal anterior – ainda em vigor.

Samuel, que também é advogado, observou que o disciplinamento da educação no âmbito municipal é de responsabilidade da Prefeitura. “Vamos seguir o Decreto Municipal no qual o ensino híbrido está autorizado”, sustentou o diretor. Ele ainda salientou que a instituição privada está seguindo à risca todos os protocolos estabelecidos pelas autoridades sanitárias.

Em comunicado o Colégio da Luz disse: “Embora o Estado da Paraíba tenha editado um decreto acerca das aulas presenciais, o Colégio da Luz continuará seguindo as orientações das normas do Município de Guarabira, que permite aulas presenciais, com 50% de ocupação das salas e com obediência às normas de segurança e higienização, o que, aliás, está sendo seguido rigorosamente e com destacada eficiência. Sendo assim, estão mantidas as aulas presenciais, nos mesmos moldes que está acontecendo desde o dia 08/02/2021. Entendemos, por outro lado, as particularidades de todas as Famílias, de forma que, aquela que não se sentir à vontade de enviar o(a) aluno(a), o Colégio da Luz não só entenderá, como oferecerá ensino remoto com qualidade.

ManchetePB