Italianos visitam praia no litoral romano – Foto: ANSA

O ministro da Saúde da Itália, Roberto Speranza, confirmou nesta sexta-feira (29) a reabertura das fronteiras entre as regiões do país a partir do próximo dia 3 de junho.

“O atual decreto-lei prevê a retomada dos movimentos intra-regionais a partir de 3 de junho. No momento, não há motivos para revisar a reabertura planejada dos movimentos. Ainda monitoraremos a tendência da curva nas próximas horas”, disse o político italiano à ANSA após reunião com o primeiro-ministro Giuseppe Conte.

Segundo Speranza, atualmente não há uma situação crítica na Itália relacionada à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) e os dados do Instituto Superior de Saúde levam para a reabertura completa do país. No entanto, a curva de contágios continuará sendo monitorada.

Com a medida, os cidadãos conseguirão circular livremente por todo o território italiano depois de quase três meses de isolamento social. A expectativa é de que viagens para fora da União Europeia sejam permitidas a partir do dia 15 de junho.

Apesar da confirmação, o ministro dos Assuntos Regionais da Itália, Francesco Boccia, ouvirá os governadores das regiões nas próximas horas para continuar debatendo a abertura da circulação intra-regional.

Da Agência ANSA