Uma jovem de 25 anos ficou gravemente ferida após ter sido queimada dentro de casa na cidade de Monteiro, no Cariri paraibano, na madrugada deste domingo (26). De acordo com a Polícia Militar, o suspeito da tentativa de homicídio é o parceiro da vítima, de 32 anos, que também ficou ferido.

O caso foi registrado por volta das 0h05, em uma casa no Centro da cidade. Segundo a PM, um morador da região informou a polícia que havia um incêndio em uma casa, com duas pessoas feridas. Ao chegar no local, a polícia encontrou a mulher sendo socorrida por moradores na calçada da casa e o suspeito estava ferido, no telhado da residência. O fogo já havia sido controlado por vizinhos, informou a polícia.

Testemunhas contaram para os policiais que o homem teria espalhado gasolina na jovem e no cômodo onde ela estava e em seguida ateado fogo no local. Ainda segundo a polícia, ninguém soube explicar os motivos da tentativa de homicídio. As duas pessoas foram atendidas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhadas para o Hospital Regional de Monteiro. Por volta de 1h30, os dois foram transferidos para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande.

De acordo com a unidade hospitalar, por volta das 12h45, o quadro de saúde da jovem é gravíssimo e os danos são maiores do que o do suspeito. Segundo a avaliação dos cirurgiões do hospital, o estado de saúde do homem, que está sob custódia da PM, também é gravíssimo. Os dois estão sendo acompanhados na sala vermelha e devem ser transferidos para a UTI ainda neste domingo.

Do G1 Paraíba