A seleção brasileira masculina garantiu vaga na final do futebol das Olimpíadas de Tóquio nesta terça-feira (3). A partida contra o México foi definida nos pênaltis, após empate no tempo normal e na prorrogação. O goleiro paraibano, Santos, defendeu a primeira cobrança da seleção mexicana e garantiu a vantagem para o Brasil.

Santos defendeu a cobrança de Eduardo Aguirre. O mexicano Johan Vásquez acertou a trave em sua cobrança, enquanto Carlos Rodríguez foi o único que converteu a cobrança.

A seleção brasileira converteu todas as cobranças. Daniel Alves, Gabriel Martinelli, Bruno Guimarães e Reinier marcaram pelo Brasil.

Essa é quinta final que será disputada pela seleção e a terceira consecutiva. A partida acontecerá no próximo sábado.

MaisPB