Em sua 13ª live semanal pelo Facebook, Teotônio chamou a atenção da audiência para um alerta emitido pelo Tribunal de Contas do Estado da Paraíba ao gestor interino de Guarabira (PB), Marcus Diogo (PSDB). De acordo com o TCE-PB, em relatório prévio, o Portal da Transparência da Prefeitura de Guarabira está irregular.

Conforme consta no alerta composto de 17 páginas, a auditoria contatou, por exemplo, que a Prefeitura de Guarabira recebeu até o dia 08 de maio R$ 1.047.065,99 para ações de combate à pandemia, mas que não houve transparência na divulgação do que foi gasto pelo poder público municipal.

A recomendação do TCE-PB é que as prefeituras detalhem os gastos com uma tarja indicando que os recursos foram aplicados no combate ao novo coronavírus, o que a PMG deixou de fazer.

“Isso significa dizer que as contas de Guarabira não estão tão transparentes quanto dizem”, disse Teotônio afirmando também que o município tem deixado de cumprir uma lei municipal de transparência.

O alerta do Tribunal de Contas tem a intenção de chamar a atenção do prefeito para que corrija erros da gestão.

Loader Loading...
EAD Logo Taking too long?
Reload Reload document
| Open Open in new tab

Download [1.10 MB]